JOAPHIA

Nome: Aline Sagrillo Climaco Pimentel
Idade: 36 anos
Marca: Joaphia
Local: Cariacica - ES

 "Crafter" como hobbie ou profissão? 
Hoje como profissão, dom maravilhoso de Deus que amo exercer Descreva o seu universo craft: Nao sei se conseguirei definir rsrs... meu universo craft se resume aos meus e.v.a.s rs... amo de paixao e por todo canto da minha casa voce os encontrara rsrs... durmo e acordo pensando nisso, e acabo sonhando, e ja ate sonhei com a execuçao de peças que depois de acordada deu super certo rsrs eu e minhas doidices E foi assim tudo começou: Tudo começou quando quis decorar o quartinho da minha filhota logo depois que voltamos a morar no Brasil e comecei a pesquisar na internet coisas que eu mesma pudesse fazer pra decorar o quartinho dela e ai descobri as joaninhas e o e.v.a. e me apaixonei pelos dois e nunca mais larguei... Como a sua marca surgiu? A 3 anos atras logo apos ter descoberto minha paixao por e.v.a e por joaninhas tive a vontade de montar um blog pra mim e como eu e minha grande amiga/irmã Claudia começamos juntas pedi a opinião dela ja que nunca fui boa pra esse lance de "dar nomes" (a nao ser no caso da minha Sophia é claro rsrs), ai ela me respondeu: Joaphia... ??? confesso que achei meio estranho rsrs e perguntei a ela o por que de Joaphia e ela me respondeu que seria a mistura de JOAninhas com soPHIA , ai fui acostumando e passei a gostar e pronto... ficou



Quais são suas fontes de inspiração? 
Depende muito do que eu queira fazer... se tenho um tema em mente vou pesquisar na net pra ver se acho algo que me inspire ou de alguma ideia... as vezes varo a noite pensando numa coisa que quero fazer mas diferente do convencional e enquanto nao consigo nao sossego, ate aparecer uma ideia.. as vezes minha filhota é minha inspiração, e ela mesma ja me deu algumas ideias legais.. acho que inspiração depende muito do momento, do tema, do humor, sei la...andar pela rua, ver uma situação, uma quadro, uma foto, roupas, o formato de alguma coisa que chame atençao, uma cor diferente... é algo que surge e se nao surge a gente inventa rs



Conte sobre os materiais e as cores que mais te encantam...
Bem, meu artesanato é com e.v.a. mas adoro misturar materiais como tecidos, telas de algodão, juta, materiais reutilizaveis enfim, tudo que der pra trabalhar juntinho com meu tao amado e.v.a... quanto as cores, eu sempre amei CORES e todas elas, mas sempre gostei muito do vermelho e talvez ate isso tb tenha me feito apaixonar com as lindas e pintadinhas joaninhas rsrs... houve um momento de marrom e rosa que inclusive sao as cores do meu blog, mas o vermelho é mesmo a cor que mais amo... cor do amor, cor dos meus cabelinhos, cor das minhas amadas joaninhas rsrs

Quais suas preferências ao criar? 
Digo sempre a minha querida amiga Sayusa que tenho "restrições" com coisas "fofinhas" rsrs.... amooooo acho lindo, mas por alguma razão gosto de usar o e.v.a. nao "apenas" para bonequinhas, e frufrus (nao estou desmerecendo quem faz por favor, acho lindo e amooooo)... gosto de inventar um quadro decorativo, uma peça que va ser util e bonita, algo diferente do usual... quando falamos que trabalhamos com e.v.a. as pessoas logo pensam em fofuchas e lembrancinhas de aniversario... o e.v.a. é um material extremamente versátil e "me aproveito" disso pra mostrar as pessoas todas as possibilidades que vou descobrindo atraves desse material...



Você trabalha sozinha ou possui uma equipe? Conte um pouco como é sua rotina de trabalho
Trabalho sozinha... tem surgido a necessidade de ter uma pessoa pra me ajudar devido ao volume de encomendas que GRAÇAS A DEUS só tem aumentado... mas isso é algo difícil.. acho que me disporia a ensinar a alguém que tenha interesse, mas não contrataria alguém que ja trabalha com e.v.a., pois sou muito detalhista, e muito exigente com minhas coisas e alguem que ja tem seu proprio jeito de fazer as coisas nao sei se daria certo, pois a pessoa vai querer fazer do jeito dela e eu vou querer que seja do meu, é complicado rsrs... Quanto a minha rotina de trabalho, ultimamente tenho deixado o horario da tarde e inicio da noite pra trabalhar, pois tenho que preparar almoço, as coisas da minha Sophia pra ir pra escola, manda-la pra escola etc... e só apos disso começo a trabalhar e vou até umas 21h mais ou menos, meu marido chega por volta de 22h ai da tempo de ajeitar tudo... a não ser que tenha muita coisa pra fazer, dai viro final de semana trabalhando rs




Ao caminhar (daqui pra frente), quais são seus projetos e ideais? 
Projetos tenho muuuitos rs ate demais rsrs... mas anoto todos, pra que devido a minha memória que alias é pessimaaaaa rs nada se perca... Tenho muita vontade de montar um atelie separado da minha casa juntamente com uma loja com produtos feitos por mim e se DEUS permitir ate revender materiais pra artesanato e com espaço para cursos e oficinas... mas esta nas mãos de DEUS, se for da vontade dEle tudo sairá bem, e no que depender de mim vou coooorrrer atras e me dedicar muito... vejo o artesanato na minha vida como um presente MARAVILHOSO de Deus, e esse é um dos principais motivos de eu me dedicar tanto...

Sua sugestão para quem está iniciando: 
Primeira e na minha opinião mais importante: VALORIZE SEU TRABALHO... mesmo que as pessoas nao o façam, se vc nao valorizar não espere que façam por voce... Vi um tempinho atras pessoas oferecendo bonecas que geralmente sao vendidas pela GRANDE maioria das artesas por 25 ou 30 reais por 10 reais; pessoas oferecendo cursos com diversas peças por 20 reais... pelo amor de DEUS... como pessoas assim querem ter seu trabalho valorizado??? tudo bem que se forem peças que vc nao teve o trabalho de criar e sim apenas reproduzir mas, nao houve gasto de material, nao houve mao de obra, tempo gasto??? Tenho uma tendinite nada agradavel e sei bem o quanto custa fazer e desenvolver certas peças pra vender por ninharia... antigamente me preocupava do cliente achar caro e ficava mooorrendo de medo de nao vender por isso, hoje em dia me preocupo no valor que eu cobrar ser JUSTO... e isso significa justo pro cliente e justo pra mim... entao nao se preocupe com a quantidade, por que se vc vender por ninharia vai estar trabalhando de graça, deixando o tempo que poderia estar com seus familiares, amigos etc por NADA, apenas pra "dizer" que tem encomendas etc... Outra coisa muito importante: DIVULGUE SEU TRABALHO, se vc estiver iniciando, e ainda nao tiver cartao de visita ou algo assim, que tal sempre que for a alguma festinha levar uma peça sua de presente, pra que as pessoas conheçam seu trabalho?? Eu fazia muito isso... ai um via na casa do outro e me indicava, e assim foram começando minhas encomendas... Crie um blog, um perfil no Face, uma Fan Page e ate uma lojinha virtual (tem muitas gratuitas e vc ja nao teria esse custo)... sempre que possivel poste fotos das suas peças, compartilhe, mas sem "invadir" territorio alheio... tipo tem muita gente que faz uma peça e quer "me mostrar' o que fez, fico feliz, comento e tals, nao me incomodo de jeito nenhum... mas tem muita gente que usa o perfil dos outros pra divulgar seu trabalho... falta de ética total, por que se eu trabalho com o mesmo artesanato que você, seria na minha opiniao, no minimo, ati-ético postar algo meu em seu perfil pra divulgar... use os meios que vc tem sem prejudicar o outros... compartilhe no seu face, no seu blog, Google+, ou o que tiver, peça seus amigos e familiares pra compartilharem suas peças ou albuns em seus faces, pra ajudar... divulgação é tudo... Mais uma coisa: sempre que lhe for possivel faça cursos... se aperfeiçoe... inove... no artesanato NUNCA sabemos tudo... e é sempre maravilhoso aprender algo mais... mesmo que vc nao va "executar aquela peça" mas a tecnica ali ensinada pode te ajudar e muito em outras coisas que vc vira a fazer.... conheço gente que trabalha com e.v.a por exemplo a anoooos e nunca vi nada de "diferente" nas peças dessas pessoas... ficam na mesmice... eu pelo menos nao gosto de mesmice... tem gente que pensa que por que da cursos "nao pode fazer cursos" com outras pessoas affffff... adoooooooooooooro aprender e sempre que posso faço cursos, compro DVDs, revistas etc.... ver que uma pessoa criou uma tecnica ou peça diferente nao deve ser motivo de "inveja" e se aquela pessoa estiver disposta a ensinar, por que nao aprender??? Por que nao juntar aquilo com o que vc ja sabe e melhorar??? Pense nisso, e procure reservar um dindim pra isso... vai fazer TODA a diferença no seu trabalho, acredite... Ultima e nao menos importante: RESPEITE O TRABALHO ALHEIO... nao custa nada dar os devidos créditos na confecção de uma peça... se fez algo usando o molde de alguem, ou passo a passo, nao ira desmerecer seu trabalho informar de quem é a criação... a execução se nao for bem feita nao adianta molde, então se sua peça é linda, é graças ao molde que vc conseguiu e a sua criatividade e esforço, mas nao foi vc quem criou... outra forma de respeitar é NÃO TROCAR, COMPARTILHAR moldes, paps, apostilas e cursos alheios... sei que no inicio é tudo mais dificil, mas aquela pessoa de que vc esta compartilhando pra "Deus e o mundo" os moldes também depende disso pra sobreviver... ninguém trabalha apenas por que "acha bonitinho", e sim por que precisa... se uma apostila é vendida, um curso, moldes etc é por que aquela pessoa se deu ao trabalho de criar (o que não é nada facil alem de demandar tempo e esforço) e tb precisa vender... se vc não tiver dinheiro naquela época especifica, junte dinheiro, moldes e apostilas não são caros e tem diversas formas de pagamento que facilitam pra todos... não troque, doe ou compartilhe o que custou tempo, suor, dedicação e trabalho alheios... não troque seu caráter por benefícios momentâneos




Uma dica(s) sua de artesanato (na prática): Bem, acho que uma dica importante é SEMPRE fazer seu melhor na execução de uma peça e se preocupar SEMPRE com o acabamento... uma peça mal acabada e mal feita não vai ser um bom "cartão de visitas" para o seu trabalho... e acredite, mesmo quem não trabalha com artesanato sabe reconhecer uma peça bem feita... se não for pra fazer bem feito, NÃO FAÇA... peças artesanais devem ser feitas com amor, dedicação, cuidado e conhecimento... se tem duvidas pergunte... pesquise... mas faça sempre seu melhor... sempre

Na sua opinião qual o diferencial do artesanato do seu país com o artesanato de outras partes do mundo? 
O artesanato brasileiro é extremamente diversificado, graças a DEUS somos um povo bem criativo e dispomos de uma grande variedade de materiais... mas a principal diferença que vejo é que fora do Brasil o trabalho manual é valorizado e aqui não... mas isso não é só culpa das pessoas... brasileiro não valoriza trabalho manual acho que desde sempre, isso já é inerente da cultura brasileira... mas quando me deparo com artesas que não valorizam o próprio trabalho, entendo parte disso...



Se você fosse um aviamento (um material de trabalho), qual seria? 
Pergunta difícil rsrsrs... acho que seria o E.V.A. mesmo... pela maleabilidade, versatilidade e resistência... possibilidades "sem limites" isso me encanta... me apaixona

Uma pequena lição de vida: 
RESPEITO, TRABALHO E DEDICAÇÃO... se vc descobriu no artesanato algo que vc ama... dedique-se, aprenda, inove... trabalhar com as maos e o coração é dom de DEUS... trabalhe muito e SEMPRE respeite o trabalho dos outros... é uma forma até de honrar o dom que Deus lhe deu...



Como a internet influencia o seu trabalho? 
A internet tem influenciado positivamente meu trabalho desde sempre... possibilitando maior divulgação (ja que a maioria das minhas vendas vem atraves dela), me possibilitando conhecer pessoas e artesas maravilhosas... alem de sempre encontrar algo que pode se transformar numa ideia...


Qual o endereço do seu blog? 
joaphiaartesecia.blogspot.com.br


Escrito por Quiane
    

4 comentários:

Flor de Fuxico Ateliê disse...

amei a entrevista, que lindo trabalho, parabéns!!!!

Paty Maciel disse...

Adorei a entrevista,ja conheço a aline,uma pessoa batalhadora e super simpatica. Parabens a todas !!!! Gostaria de participar tbem de uma entrevista,rsrsrs beijos

Drica Paim Artesanato disse...

Olá,
Parabéns as duas pela brilhante entrevista. Adorei...
Bjs

Sue Paula disse...

Oi Quiane! Parabéns por mais uma entrevista! Adorei!
Parabéns pelos trabalhos, Aline!!

Abracinhos floridos
Sue

sharethis