Vanessa Biali - A magia do feito à mão

Nome: Vanessa Biali de Meneses
Idade: 28 anos
Marca: Vanessa Biali
Local: Porto Alegre - RS - Brasil



"Crafter" como hobbie ou profissão?
Os dois! Sinto-me imensamente feliz por poder fazer essa afirmação.
Trabalhar com algo pelo qual somos realmente apaixonados, é uma dádiva.


Descrevendo o seu universo craft...
Meu universo craft é repleto de linhas de diversos tipos, tecidos, agulhas, botões, lacinhos, muitas cores, brilhos... A "energia" que move esse meu mundo é o amor, a dedicação e os desafios constantes para a imaginação.


E foi assim que tudo começou...

Desde muito pequena, estive às voltas com trabalhos feitos à mão. Graças a minha mãe que já trabalhou com diversas técnicas artesanais, por hobbie e profissão. Foi ela que me ensinou os primeiros passos no mundo crafter e, principalmente, foi ela que me contagiou, me passando a paixão e o "brilho no olho" pelo trabalho feito à mão. Acredito que meus primeiros pontinhos, minhas primeiras brincadeiras com linhas e agulhas tenham acontecido por volta dos meus 7 anos. Passaram-se os anos, formei-me em Pedagogia e iniciei uma pós-graduação em gestão de recursos humanos. Estas foram aprendizagens muito importantes que levarei com carinho e respeito para sempre comigo. Porém, os estudos e os trabalhos nessas áreas nunca me mobilizaram a ponto de provocar uma verdadeira paixão. Parecia que faltava algo... Então, fui em busca dos meus sonhos e do que realmente era importante para mim. Descobri no artesanato como profissão a possibilidade de desenvolver o meu potencial criativo, a oportunidade de produzir trabalhos que levem alegria e bem-estar a outras pessoas e a experiência de ser genuinamente feliz vivendo de acordo com os valores que acredito.

A sua marca surgiu...

Entre meus dois sobrenomes, "Biali" e "Meneses", Biali me pareceu mais fácil para a identificação do meu trabalho. Vanessa é um nome relativamente comum e Meneses também. Há muitas "Vanessas Meneses" por aí...rsrs... Então, Vanessa Biali é um nome que particulariza a minha marca.

Suas fontes de inspiração...

Livros, revistas, internet, a natureza, cenas do cotidiano... Às vezes, a inspiração vem do próprio material que tenho em mãos. Acredito que minhas fontes de inspiração estão por toda parte. Nossas fontes de inspiração não têm limites se nos propusermos a perseguir o rastro luminoso da imaginação!


Os materiais e as cores que mais te encantam...

Linhas, tecidos, botões, rendas, fitas... Amo todas as cores! Cada uma com seu encanto específico. O que realmente me encanta é a abundância e a diversidade das cores e dos materiais que temos à nossa disposição para criar. Para mim, a magia vem das múltiplas possibilidades.

Suas preferências ao criar...

Adoro trabalhar em peças pequenas, que exijam muitos detalhes. Para mim, a parte mais divertida é escolher formas, fazer combinações de cores e experimentar o desafio de tornar realidade aquilo que ainda povoa a imaginação...

Você trabalha sozinha ou possui uma equipe? Conte um pouco como é sua rotina de trabalho.

Eu trabalho sozinha. Apesar de algumas etapas do trabalho serem mais demoradas por conta disso, acredito que o trabalho fica mais "autoral", mais personalizado... Minha mãe e eu trabalhamos juntas em alguns projetos, trocando ideias e experimentando materiais e técnicas. Felizmente, desfrutamos de uma boa sintonia o que imprime em nossas peças uma cooperação muito positiva de nossos estilos. Costumo centralizar num único dia as compras de materiais. Isso otimiza bastante o tempo! Trabalho em casa, desenvolvendo as peças de segunda a sexta-feira. E, normalmente, acesso meus e-mails todos os dias da semana para estar sempre em contato com clientes e amigas do mundo craft.

Ao caminhar, conte sobre seus projetos e ideais...

Quero continuar aprendendo, experimentando técnicas e materiais novos. Quero continuar conhecendo pessoas interessantes, aceitando desafios de criar novas peças e descobrir novas formas de encantar através do trabalho feito à mão.

Um conselho para quem está iniciando...

Mantenha sempre a imaginação ativa, experimente o processo criativo livre (que as crianças conhecem tão bem!...), busque sempre saber mais, pergunte, mexa com materiais diferentes... Conheça o que outras pessoas estão fazendo nesta área, vá a feiras, lojas, visite páginas na internet... E o mais importante: sempre coloque um toque pessoal na sua peça. É nesse instante que a magia do feito à mão se faz presente. É nesse momento que a peça ganha "alma".

Uma dica(s) sua de artesanato...

Tenha um estoque de materiais bem variado para facilitar o momento de criar. Cuide de seu material com carinho, armazenando adequadamente. Um lugar tranquilo, com boa iluminação dá resultados ótimos. E, por fim, pesquise, estude e descubra o seu jeito próprio, único de fazer um trabalho feito à mão. As revistas, os cursos, os amigos que compartilham do mesmo gosto pelo mundo craft são uma referência, um primeiro degrau para descobrirmos nossas habilidades e estilo. Ou seja, não existe "o jeito certo" de fazer uma determinada peça, determinado ponto de bordado, etc. Existem múltiplas formas de se fazer um mesmo trabalho! Procure conhecer os "jeitos" já existentes e descubra, combine ou invente o "seu jeito". Isso libera de forma mágica o nosso potencial criativo.

Na sua opinião qual o diferencial do artesanato do Brasil com o artesanato de outras partes do mundo?

Pelo que vejo na internet, em revistas e feiras, o trabalho artesanal criativo é algo que não tem nacionalidade. Há trabalhos belíssimos em todo o mundo. Talvez, o diferencial do Brasil seja a sua diversidade, reunindo técnicas muito antigas de outros países (como as rendas, bordados e costuras, por exemplo) e técnicas inovadoras (como trabalhos em reciclagem, por exemplo). Essa mistura tem tudo para dar certo se a criatividade for a senha!

Se vc fosse um aviamento, qual vc seria?

Eu seria um tecido bem colorido, estampado com muitas flores e frutas!...rsrs... A natureza é uma fonte sem fim de inspirações...

Uma pequena lição de vida?

Viver intensamente, sempre em movimento no aprender. Buscar a alegria nas coisas simples da vida, estar em sintonia com as coisas e pessoas que nos emocionam

Como a internet influencia o seu trabalho?

Para mim, a internet é uma janela para ver muitos trabalhos bonitos, para conhecer várias técnicas e dicas craft... Mas, principalmente, é um meio de estar em contato com muitas pessoas que apreciam e/ou fazem o trabalho feito à mão. Em especial, pessoas que normalmente não conheceríamos porque moram longe de nós ou porque não frequentamos os mesmos lugares.

Endereço do seu blog:

http://vanessabm.blogspot.com/

Sejam todos bem-vindos nesse meu espaço!

11 comentários:

Naty Young disse...

Adorei a entrevista com a Vanessa... Uma inspiração pra quem ainda está meio em duvida.. como eu... eeheheheheheehehehe

Beijinhossss, Quiane..

Vanessa Biali disse...

Quiane e Carine,
Obrigada pelo carinho e pela oportunidade. É uma alegria poder participar desse Blog que já é um sucesso.
Naty,
Obrigada!
Beijos,
Vanessa

Quiane disse...

Parabens pela entrevista, seus trabalhos são lindos!
bjus
Quiane

Lilian Janine disse...

A Vanessa tem muito capricho e bom gosto! Seu amor-perfeito é perfeito!!! Parabéns, Vanessa!

Vanessa Biali disse...

Obrigada, Quiane e Lilian!
Vocês sempre são muito generosas nos seus elogios.
Beijos,
Vanessa

Luciana F. Damiano disse...

Que bacana a esntrevista com a Vanessa.
Concordo com a Naty, uma inspiração...

bjs

Pizinha disse...

Amei a entrevista com a Van, ela é muito talentosa!
Adoro ela e seus trabalhos!

Joyce Franco

Carine Calé disse...

Vanessa,
Como é bom ler uma entrevista tão bem escrita, com tantas informações, isto é que nos faz perceber que realmente o universo "craft" é algo que vale muito a pena e nos apaixona!
Parabéns, vc vai longe!!!
Sucesso...
Beijinhosss
Carine

Vanessa Biali disse...

Obrigada, meninas!
As palavras de vocês são verdadeiros incentivos para eu continuar, para eu melhorar e pesquisar mais...
Beijos com carinho,
Vanessa

Maria Elza Melo disse...

Parabéns pelo blog.
Bela entrevista. Belos trabalhos.
bjs

Vanessa Biali disse...

Obrigada, Maria Elza!
Beijos,
Vanessa

sharethis